OUTROS DESTAQUES
Mercado
Telefônica não tem pressa para assumir a TVA
quarta-feira, 04 de julho de 2007 , 14h26 | POR HELTON POSSETI

Depois da solenidade de apresentação do Informe Anual de Responsabilidade Corporativa do grupo Telefônica no Brasil, o presidente da empresa, Antônio Carlos Valente, disse a jornalistas que não tem pressa para assumir a TVA e se mostrou tranqüilo quanto à aprovação da anuência prévia pela Anatel. ?Esperaremos o tempo que vier a ser necessário pela administração pública. A proposta está absolutamente dentro das regras do mercado?, disse ele.
Na última segunda-feira, 2, na cerimônia de posse do novo presidente da Anatel, o embaixador Ronaldo Sardenberg já disse que na reunião do conselho diretor desta quarta, 4, o tema não será votado, porque ele precisa de tempo para estudar o assunto. Também não é certo que o conselho decida sobre a matéria na próxima semana. Isso porque a Sky e a TelComp protocolaram pedidos para que a operação seja barrada pela Anatel. A entidade que representa as pequenas operadoras pede, na verdade, que haja restrições onde a concessionária teria monopólio como na banda larga. A Sky, por sua vez, já protocolou dois pedidos junto à agência ? no último deles, ela pede que seja feito um estudo sobre o impacto concorrencial da operação.
Sobre o serviço de TV por assinatura via satélite, Valente disse que a companhia está terminando as negociações com os principais provedores de conteúdo e finalizando alguns ?ajustes técnicos? para o lançamento do serviço. No último encontro com a imprensa, a Telefônica prometeu o lançamento para julho. Perguntado se eles manteriam o prazo, Valente foi evasivo. ?Quando tiver tudo certo, nós anunciaremos a data e a hora?. Perguntado sobre a licença recém obtida pela TIM para telefonia fixa, Valente disse que "é um desafio grande para os competidores".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top