OUTROS DESTAQUES
AQUISIÇÃO
Cade dá aval para compra de 30% da Nextel pela AINMT
terça-feira, 04 de julho de 2017 , 15h46

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrição, a compra de 30% das ações representativas do capital social da Nextel pela AINMT do Brasil, empresa controlada pelo Grupo Access, que atua mundialmente no ramo de mídia, tratamento de dados e provedores de serviços. A operação, anunciada em junho, prevê uma segunda etapa com a aquisição de mais 30% da operadora, transformando a AINMT na acionista controladora.

A companhia é de origem sueca, sem atuação no Brasil, e pode investir cerca de US$ 150 milhões até a concretização final do negócio. Essa primeira etapa da operação foi calculada em US$ 50 milhões.

De acordo com as empresas, a transação permitirá à Nextel Brasil a oferta de melhores alternativas e serviços aos consumidores, com a adoção de práticas testadas pela AINMT na Escandinávia (o grupo atua na Noruega, Suécia e Dinamarca nessa região, além de ter operações na Indonésia e Filipinas). A operadora brasileira, por sua vez, enfrenta dificuldades econômicas.

Segundo o Cade, a operação não gera sobreposição horizontal entre as partes no Brasil, pois o Grupo Access não possui em seu portfólio empresas que atuem no mesmo segmento da Nextel, de serviço móvel pessoal para pessoas físicas e empresas. "Também não se verifica integração vertical entre as atividades da Nextel e qualquer uma das empresas que compõem o portfólio do Grupo Access", salienta o órgão antitruste.

O Cade concluiu que a operação não oferece riscos ao cenário concorrencial brasileiro, tratando-se de mera substituição de agente econômico no País. O negócio foi aprovado por meio do rito sumário, ou seja, sem necessidade de passar pelo plenário do órgão.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top