OUTROS DESTAQUES
Investidores Institucionais
Fundos escolherão nome consensual para gerir ex-CVC Nacional
quinta-feira, 04 de dezembro de 2003 , 18h03 | POR FERNANDO PAIVA

Os cotistas que destituíram o Opportunity da gestão do fundo Investidores Institucionais (ex-CVC Opportunity Equity Partners FIA) ainda não escolheram candidatos de consenso para colocarem em votação na assembléia que decidirá os novos gestor e administrador do ativo. Uma fonte ligada a esses cotistas informou que um acordo em torno dos nomes deve ser fechado na semana que vem. A assembléia que definiria os novos gestor e administrador estava marcada para a última terça-feira, 2, mas foi cancelada, entre outros motivos, pela falta de nomes de comum acordo.
Ainda não há uma nova data para a assembléia. A BB DTVM, corretora do Banco do Brasil, está cuidando provisoriamente da gestão do fundo.

Partnership Agreement

A mesma fonte negou que o adiamento da assembléia tenha sido motivado pela possível dissolução do fundo CVC Estrangeiro Equity Partners LP (CVC Estrangeiro), o que pode ocorrer em um prazo de 90 dias a contar a partir da destituição do Opportunity enquanto gestor do ex-CVC Nacional. A dissolução está prevista em uma cláusula do Partnership Agreement (documento firmado entre o Citibank, CVC Opportunity Equity Partners LP, CVC Equity Partners Ltd e Opportunity). ?A dissolução não é tão simples assim. O documento não é claro quanto ao trâmite quando expirados os 90 dias?, acrescentou.
A Previ e o BNDES foram os cotistas que lideraram o grupo que destituiu o Opportunity, em 6 de outubro, sob a alegação de quebra de deveres fiduciários. Votaram a favor da saída do antigo gestor cotistas que representam pouco mais de 80% do capital do fundo.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro de lideranças do mercado de telecomunicações

19 de setembro a 20 de setembro
Royal Tulip Brasilia Alvorada, DF, Brasil
Top