OUTROS DESTAQUES
Mercado de ações
Embratel ainda é a grande aposta
quarta-feira, 07 de janeiro de 2004 , 20h19 | POR REDAÇÃO

A Embratel, cujo potencial de valorização foi previsto com sucesso no ano passado pela Fator, volta a ser a recomendação prioritária para 2004 da analista de telecomunicações da corretora, Jacqueline Lison. Tanto pela expectativa de venda do seu controle quanto pela continuidade de sua melhora operacional.
Ganha estrategicamente com a nova regulamentação do setor, porque é a empresa melhor posicionada para se valer do unbundling e entrar na competição local. No curto prazo, vale-se da recuperação da atividade econômica, especialmente no segmento de transmissão de dados.
Jaqueline Lison dá destaque especial ao processo de venda da empresa. ?Acreditamos que o futuro comprador da Embratel poderá vir a ser o grande vencedor do setor no Brasil, pois absorverá tanto a valiosa carteira de clientes corporativos, quanto uma infra-estrutura de rede com cobertura nacional?. A melhor hipótese é de sua aquisição pela Telmex ou pela Telecom Itália. O maior risco seria a possibilidade de compra por um consórcio formado pelas outras três fixas (Telemar, Telesp e Brasil Telecom). Hipótese, aliás, muito remota, após a nomeação de Pedro Jaime Ziller para a presidência da Anatel, cuja posição é conhecidamente contrária ao plano das teles. O preço-alvo da Embratel PN é de R$ 14,39, correspondendo a uma valorização de 52%.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top