OUTROS DESTAQUES
Valor adicionado
TIM escolhe Takenet para gerir sua loja de música
segunda-feira, 08 de fevereiro de 2010 , 17h22 | POR FERNANDO PAIVA

A TIM escolheu a Takenet para ser a nova gestora de sua loja de música, em substituição à italiana Buongiorno. Conforme noticiado anteriormente por TELETIME News, a operadora iniciara uma RFP (request for proposals) com esse objetivo no ano passado. O modelo adotado pela TIM é de "full outsourcing", ou seja, a Takenet terá total liberdade para gerenciar o conteúdo da loja, decidir os destaques, gerir os contratos com as gravadoras, criar promoções etc. A loja não terá apenas ringtones e full tracks, mas qualquer conteúdo relacionado a música, o que inclui imagens, vídeos, games, notícias sobre artistas etc. Segundo fontes de mercado, cerca de seis empresas disputaram a concorrência da TIM, entre as quais SupportComm, Compera nTime e Arvato. A Takenet deve assumir a loja a partir de março. A operadora e a integradora não quiseram abrir os detalhes comerciais do acordo.
A RFP na área de música faz parte de uma decisão da TIM de terceirizar ao máximo a gestão de seus serviços de valor adicionado (SVA), liberando sua equipe interna para concentrar esforços na elaboração de estratégias para esse setor, em vez de gastar tempo avaliando conteúdos a serem vendidos. Além da loja de música, a TIM terceirizou a gestão de seu portal de games, que ficou a cargo da OneBrasil, e lançará em abril uma app store gerenciada pela Qualcomm.
Esse movimento iniciado pela TIM pode ser o caminho para fazer as vendas de SVAs white label voltarem a crescer, pois nos últimos anos os portais das operadoras brasileiras em geral perderam participação para sites independentes, que oferecem o modelo de assinatura semanal. Por sinal, uma das mudanças que a Takenet pretende implementar é o lançamento de uma oferta de assinatura de SVA de música para os clientes da TIM.
A TIM não será a primeira operadora a contratar a Takenet para gerir sua oferta de música para celular. A empresa mineira cuida há muitos anos do catálogo white label da Vivo nessa área. Na Claro, a gestão está a cargo da SupportComm. Na Oi, a tarefa está nas mãos da M4U.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top