OUTROS DESTAQUES
Acordo entre as partes eliminaria riscos
quinta-feira, 09 de maio de 2002 , 20h39 | POR REDAÇÃO

Vale lembrar, contudo, que tudo isso só acontecerá se a Justiça de Cayman decidir que o CVC/Opportunity Equity Partners Ltd tenha que ser dissolvido para que se resolva a pendência entre o banco e Luiz Roberto Demarco. Da mesma forma, caso as partes cheguem a um acordo, nada do que prevêem os advogados do Opportunity acontecerá. A Anatel acompanha o caso por informações solicitadas ao Opportunity através de ofícios. A interpretação da agência não é clara sobre o que pode acontecer. TELETIME News ouviu de fontes na Anatel que em todos os casos de troca de controle a postura adotada tem sido a seguinte: mantido o bloco de controle, não existe infração às regras. Ou seja, pela interpretação de membros da agência reguladora, apenas se uma parte nova assumisse o controle dos fundos CVC/Opportunity haveria a necessidade de ação punitiva. Esta, contudo, não é uma posição oficial da Anatel.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top