OUTROS DESTAQUES
Perda de concessão é cogitada entre conseqüências
quinta-feira, 09 de maio de 2002 , 20h39 | POR REDAÇÃO

O outro parecer, escrito pelo escritório Barbosa, Müssnich & Aragão, comenta a possibilidade de ser indicado um banco liquidante para o fundo CVC/Opportunity Equity Partners Ltd em função da briga com Luiz Roberto Demarco. Segundo o escritório, este fundo é caracterizado pela legislação brasileira como o controlador do CVC/Opportunity Equity Partners LP, que controla todas as empresas de telecomunicações geridas pelo Opportunity no Brasil. Ou seja, o fundo que pode ser dissolvido é controlador das teles, segundo o parecer do escritório. O parecer conclui que, dependendo dos poderes dados ao banco liquidante do CVC/Opportunity Ltd, isso poderia ser caracterizado como troca de controle das teles, ficando as empresas, portanto, sujeitas às sanções legais, inclusive perda da concessão.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top