OUTROS DESTAQUES
Mercado de cabos ópticos não sofre tanto
quinta-feira, 09 de agosto de 2001 , 22h06 | POR REDAÇÃO

Segundo o diretor de marketing da Pirelli, o setor de fibras ópticas não será atingido nesse momento pela desaceleração da economia. "Até há pouco tempo faltava produto no mercado. Os pedidos eram feitos contando com meses de espera, por isso eles devem continuar, lentamente, mas o suficiente para garantir a produção". O executivo afirma que a Pirelli possui um terço do mercado, estimado em 2,5 milhões de km de fibras por ano. Minas adverte porém que o término das construções, daqui a alguns anos, vai causar uma retração dessa área também. Segundo outras fontes ouvidas por TELETIME News, o recente aumento de tráfego causado pela guerra de preços entre Embratel e Intelig mostrou que ainda haverá demanda por fibra, porque a infra-estrutura existente não dá conta do tráfego.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top