OUTROS DESTAQUES
SGDC
Martinhão explica preços do satélite brasileiro
quarta-feira, 10 de maio de 2017 , 17h30

Questionado por deputados, o secretário de Política de Informática do MCTIC, Maximiliano Martinhão, afirmou nesta quarta-feira, 10, que o custo do satélite geoestacionário brasileiro (SGDC) não quadruplicou. Ele explicou que o preço inicial de R$ 1,2 bilhão diz respeito apenas ao satélite, enquanto que o projeto como um todo saiu por quase R$ 2,8 bilhões.

"O projeto envolve a instalação de seis gateways, o centro de comando e controle, o satélite e os custos com o lançamento, que foi objeto de outro contrato", disse Martinhão. Segundo ele, a comparação feita pelo colunista foi com um satélite muito diferente do brasileiro, bem menor e em banda Ku.

O presidente da Telebras, Antonio Loss, disse que vai divulgar uma nota especificando os custos do programa do SGDC. Martinhão e Loss participaram de audiência pública na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro de lideranças do mercado de telecomunicações

19 de setembro a 20 de setembro
Royal Tulip Brasilia Alvorada, DF, Brasil
Top