OUTROS DESTAQUES
Mercado financeiro
Ações da Embratel continuam a cair
quarta-feira, 10 de dezembro de 2003 , 19h40 | POR REDAÇÃO

O mercado de ações continuou ?batendo? na Embratel nesta quarta-feira, 10, véspera da apresentação de propostas de intenção de compra da empresa à sua controladora norte-americana, MCI. Na interpretação dos investidores, o maior interessado, o fundo de pensão dos empregados, a Telos, representaria uma espécie de nacionalização da companhia, com o risco de conflitos entre interesses corporativos e interesse dos acionistas minoritários. Foi nesse sentido que todos os papéis voltaram a cair: ADR (-2,02%), PN (-1,6%) e ON (-0,56%).
Jacqueline Lison, da Fator Doria Atherino, não acha razoável desacreditar na intenção da Telos. Primeiro porque o fundo tem interesse fundamental na rentabilidade da empresa. Algumas experiências nesse sentido são exemplares. Depois, porque a Telos terá que buscar outros participantes para formar um consórcio ? não há qualquer contradição com as empresas cujo interesse vem sendo citado pela imprensa, seja o grupo do mexicano Carlos Slim, seja a Portugal Telecom ou algum não especificado ?clube de investimentos?. Finalmente, Jacqueline Lison lembra que o valor da oferta de compra (e sempre há prêmio nisso) deve ser estendida aos demais portadores de ações ordinárias (o chamado tag along). Ou seja: pode ser um negócio positivo.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top