OUTROS DESTAQUES
Banda Larga
Qualcomm compra empresa de banda larga wireless
quinta-feira, 11 de agosto de 2005 , 19h22 | POR LETÍCIA CORDEIRO

A Qualcomm anunciou nesta quinta, 11, que pagará US$ 600 milhões em dinheiro e em ações, e que o valor pode ser ampliado em mais US$ 205 milhões, pela empresa de banda larga móvel Flarion Technologies. A Flarion inventou a tecnologia Flash-OFDM, de serviços IP em tecnologia Orthogonal Frequency Division Multiplex Access (OFDMA), para acesso em banda larga móvel. A idéia é possibilitar a oferta de serviços diferenciados com a combinação das tecnologias CDMA e OFDMA.
O presidente da empresa no Brasil, Marco Aurélio Rodrigues, destaca que Qualcomm já desenvolvia a tecnologia OFDM e que a aquisição da Flarion complementa os esforços internos. ?Nos Estados Unidos, a Qualcomm criou a empresa MediaFLO USA para distribuição multicast de TV para celulares, e os sinais são transmitidos utilizando a tecnologia OFDMA?, detalha. A subsidiária MediaFLO foi criada no fim de 2004, com investimentos previstos de US$ 800 milhões em quatro anos, para montar a infra-estrutura necessária para a oferta de ?broadcast? para celulares na faixa de 700 MHz.
A tecnologia OFDMA também pode ser usada para o transporte wireless de dados em alta velocidade e, segundo Rodrigues, a Flarion já tem contratos firmados com algumas operadoras para implantar essas redes de acesso banda larga sem fio.

Futuro

?Acreditamos que o CDMA, ainda por muitos anos, será a base de novas gerações importantes para a telefonia móvel, mas sabemos que algumas empresas podem optar por tecnologias wireless alternativas como a OFDMA e não podemos deixar de estar na linha de frente?, avalia Rodrigues.
De acordo com o executivo, a Qualcomm também trabalha no desenvolvimento de produtos de rede que combinam as tecnologias CDMA 2000 e OFDMA para serviços específicos. ?Temos o Platinum, um misto entre a tecnologia EV-DO e OFDMA, para fazer a distribuição multicast de TV para celulares sem a necessidade de uma rede específica?, revela.
A aquisição da Flarion depende ainda de aprovação regulatória e a expectativa é de que seja concluída até o final deste ano.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top