OUTROS DESTAQUES
Convergência
Sumo.TV chega ao Brasil
segunda-feira, 12 de março de 2007 , 18h20 | POR FERNANDO PAIVA

O Sumo.TV é um site de vídeos publicados por usuários, tal como o YouTube. Mas tem uma diferença fundamental: é também um canal de TV 24 horas presente na programação da Sky no Reino Unido. No canal, passam os vídeos mais populares do site, divididos em programas temáticos. Os autores são remunerados pela empresa quando seus vídeos são exibidos na TV. O projeto é uma criação da Cellcast, que também atua no segmento de serviços de valor adicionado (SVA) em telefonia celular.
O Sumo.TV agora prepara sua entrada no mercado brasileiro. A partir de abril, será exibido um programa diário de 45 minutos na TV Cultura. ?A idéia é que seja uma espécie de degustação do canal 24h. Além disso, terá um caráter pedagógico, para incentivar os telespectadores a produzirem seu próprio conteúdo?, explica o sócio-diretor da Cellcast no Brasil, José Percival Palesel. O executivo está negociando com empresas de TV por assinatura e espera que o canal 24h entre no ar no Brasil ainda este ano. Paralelamente, Palesel negocia a possibilidade de incluir o site dentro de um grande portal da Internet brasileira.
O Sumo.TV tem hoje 40 mil vídeos disponíveis. A expectativa é de que esse número suba rapidamente para 100 mil com a divulgação do serviço no Brasil. Ainda não foi definido quanto ou o quê ganharão os usuários que tiverem seus vídeos exibidos no canal brasileiro do Sumo.TV. Palesel adianta, contudo, que, para o Brasil, ele aposta mais em um sistema de premiação, do que propriamente de remuneração financeira.

Triple play

A receita do Sumo.TV na Inglaterra vem de duas formas: publicidade na TV e interatividade via celular (SMS e MMS). Palesel deseja que o serviço seja triple play também no Brasil, mas reconhece que as negociações com as operadoras nacionais ainda estão começando. O primeiro passo de interatividade envolvendo o canal no País deve ser através de serviços de voz.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top