OUTROS DESTAQUES
Smartphones
RIM não tem planos de produzir no Brasil por enquanto
terça-feira, 12 de agosto de 2008 , 15h39 | POR FERNANDO PAIVA

A RIM, fabricante dos smartphones com a marca BlackBerry, não tem planos por enquanto de produzir seus aparelhos no Brasil, como faz a HTC, sua principal concorrente. "A fabricação nacional não é uma condição para o nosso sucesso", respondeu o gerente de vendas da RIM no Brasil, Mario Calcagnini.
A RIM tem hoje dez modelos de BlackBerry à venda no mercado brasileiro. O décimo primeiro será o Bold, um smartphone 3G que chegará às prateleiras do Brasil em setembro. Calcagnini disse não poder abrir números sobre as vendas da fabricante no Brasil, mas garante que elas estão crescendo a ritmo acelerado. Sobre a chegada do iPhone no País, o executivo não demonstra preocupação. "A competição ajuda a abrir portas, a criar um mercado. Mas acho que vai demorar para o iPhone ter a segurança que o BlackBerry oferece hoje", comentou.

PMEs

A RIM não quer restringir seu público alvo apenas aos executivos de grandes corporações. A companhia agora direciona sua atenção também para o segmento das pequenas e médias empresas (PMEs). Para tanto, a RIM realizou nesta terça-feira, 12, no Rio de Janeiro, um evento para o qual convidou dezenas de representantes de clientes corporativos da cidade.
A mensagem principal da RIM foi mostrar que há opções mais baratas de seu serviço do que o tradicional BES (BlackBerry Enterprise Server), usado por grandes companhias. Para as PMEs, o mais recomendado é adotar o chamado BPS (BlackBerry Professional Software), uma versão simplificada do BES, mais fácil de instalar e mais barata. Durante o evento, alguns executivos presentes na platéia reclamaram da falta de contato mais direto entre a fabricante e os clientes finais para sanar dúvidas e ensinar como usar os smartphones.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top