OUTROS DESTAQUES
Mercado
Oferta combinada ainda tem baixa penetração, constata Ipea
quinta-feira, 13 de março de 2014 , 15h25 | POR HELTON POSSETI

Apesar do esforço das empresas de telecomunicações em ofertarem os serviços de forma combinada – os chamados combos – pesquisa realizada pelo Ipea mostra que 70% dos lares brasileiros não têm pacotes combos.

De acordo com o levantamento, denominado Sistema de Indicadores de Percepção Social, a possível causa para o fenômeno é o fato de as ofertas combinadas não estarem disponíveis em todas as regiões e não atenderem às possibilidades econômicas da família. Apenas 19,7% contratam serviços de telecomunicações por meio de pacote.

Dos domicílios que contratam pacotes combos, a maior parte deles (30%) contém telefonia fixa e banda larga, seguido do pacote com esses dois serviço e mais a TV por assinatura (24,5%). O restante é de outras combinações de vídeocom banda larga e vídeo com telefone.

Chama a atenção também o fato de que 9,1% dos domicílios brasileiros não contarem com nenhum serviço de telecomunicações. De acordo com o Ipea, provavelmente neste grupo estão domicílios situados na zona rural ou mais de baixa renda.

Telefonia fixa

O levantamento também mostra o processo de substituição da telefonia fixa pela móvel. Quase metade dos domicílios pesquisados (45,6%) respondeu que não conta com o Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC), sendo que 59,4% afirmaram que a comunicação pelo móvel substitui o fixo. Mas a segunda maior razão em não contratar o serviço de telefonia fixa é o preço (20,2%).

A pesquisa foi realizada em 3.809 domicílios, em 212 municípios, durante o mês de junho de 2013, abrangendo todas as unidades da federação.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top