OUTROS DESTAQUES
Trópico deve reajustar infra-estrutura
segunda-feira, 13 de agosto de 2001 , 21h18 | POR REDAÇÃO

A Trópico terá que fazer ajustes em sua infra-estrutura para superar a retração que vem atingindo o setor de telecomunicações. Os planos iniciais para o crescimento das redes de próxima geração (NGN, na sigla em inglês) estão sendo revistos para reduzir o impacto da retração. Deverá haver redução de custos, o que implicará novo programa de investimentos – dos mais de R$ 25 milhões estimados para este ano, cerca de R$ 15 milhões já foram realizados. O diretor presidente da Promon, Luiz Ernesto Gemignani, disse que a empresa preparou-se para a demanda prometida, com infra-estrutura, estoque e recursos. Mas os cancelamentos de pedidos por parte de clientes fizeram com que a confiança se transformasse em ônus. Segundo o executivo, a vantagem obtida em relação à concorrência, por já ter produto testado em NGN, poderá ser anulada com o possível adiamento de contratos, o que daria tempo para os concorrentes se prepararem.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top