OUTROS DESTAQUES
Provedores de acesso reclamam de venda casada pelas teles
quinta-feira, 14 de março de 2002 , 22h26 | POR REDAÇÃO

Durante o seminário, Roque Abdo, presidente da Abranet, defendeu a manutenção dos provedores de acesso na prestação de serviços de banda larga, mesmo com a possibilidade de as próprias operadoras oferecerem conectividade e conteúdo. Segundo ele, os provedores, pela sua experiência junto aos assinantes, estão mais bem preparados que as operadoras para atender o mercado no desenvolvimento de conteúdo e na prestação de serviços. Além disso, ele argumentou ser impossível para os portais sobreviver unicamente com o fornecimento de conteúdo. "O acesso corresponde a 85% da receita destas empresas", observa. Abdo também disse que as teles estão impondo aos provedores de acesso o uso de suas conexões ponto-a-ponto e de seus backbones quando fecham contratos de uso de sua infra-estrutura. A prática caracterizaria venda casada, o que é proibido.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top