OUTROS DESTAQUES
O que se espera da Telemar
quarta-feira, 15 de agosto de 2001 , 23h49 | POR REDAÇÃO

Os resultados trimestrais da Telemar convenceram os analistas de que a empresa está indo bem na antecipação de metas e que é uma das mais preparadas para enfrentar a concorrência em 2002. Jacqueline Lison, da Fator, acredita que a empresa conseguirá seguir implantando 500 mil novas linhas mensais, pagando porém o preço da inadimplência ao atingir o público de mais baixa renda. "Acreditamos que essa tendência começará a reverter a partir de 2002, quando a empresa poderá adotar uma estratégia de crescimento sustentado, priorizando os mercados que considera mais rentáveis". Lison prevê que os resultados do terceiro trimestre ainda continuarão impactados negativamente pelo aumento do quadro de pessoal (no final de julho, observa, já eram mais 3,2 mil além dos 3,8 mil do balanço). A recomendação é de compra com preço-alvo de R$ 52,12 – upside de 83% sobre a cotação desta quarta-feira.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top