OUTROS DESTAQUES
Ações preferenciais das teles sobem e ordinárias caem
quarta-feira, 15 de dezembro de 1999 , 22h43 | POR REDAÇÃO

Depois de oficializada a notícia de que não mais serão emitidas ADRs ON dos Recibos Telebrás (RCTB), as ações ordinárias de quase todas as companhias telefônicas brasileiras entraram em queda, enquanto as ações preferenciais (PN) apresentaram ligeiras altas. Ou seja: voltou a aumentar o diferencial entre os dois tipos de papel. Na média geral, as cotações das ações PN do setor estão agora 40% acima das ON. No caso específico dos Recibos Telebrás, esse diferencial se eleva a 60%. No da Embratel, 67%. Vale lembrar que o movimento de alta das ON, que agora se inverte, baseava-se no raciocínio de que a emissão de ADRs de RCTB iria logicamente requerer a emissão de equivalentes das holdings que a compõem.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top