OUTROS DESTAQUES
Embratel quer reunião com Telefônica para discutir bitstream
quinta-feira, 16 de agosto de 2001 , 20h21 | POR REDAÇÃO

A Embratel convidará a Telefônica para uma reunião na próxima semana a fim de discutir a proposta de bitstream da operadora paulista. "Do jeito que está, não gostamos nem um pouco da proposta. A limitação de serviços é inadmissível", protestou o gerente geral de suporte a negócios da Embratel, Roberto Durães. O executivo defende, entre outros pontos, que a Embratel tenha o direito de colocar inteligência no serviço a ser prestado, para poder diferenciar seu produto daquele oferecido pela Telefônica. "Poderíamos, por exemplo, instalar um software de segurança", citou Durães. Ele também achou o preço oferecido muito alto, mas não quis revelar quanto de redução irá propor. Para um circuito de 256 kbps, por exemplo, a Telefônica está oferecendo uma entrada STM-1 (155 Mbps) e pedindo R$ 20 mil pela instalação, mais R$ 40 mil de mensalidade fixa e mais R$ 4 por assinante por mês.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top