OUTROS DESTAQUES
SMP
TIM Brasil começa a operar com agressividade
quarta-feira, 16 de outubro de 2002 , 18h11 | POR REDAÇÃO

Com meses de atraso e depois de muita briga com seu sócio Opportunity na Brasil Telecom, a Telecom Italia Mobile (TIM) faz o lançamento oficial de sua rede GSM na próxima sexta-feira, 18 de outubro. A primeira operadora móvel de caráter nacional entra no mercado com um total inicial de mil pontos de venda e bastante agressividade, oferecendo facilidades que visam não apenas captar novos usuários, mas também tirar clientes da concorrência.
A TIM oferecerá tanto para os clientes pré-pagos quanto pós-pagos facilidades idênticas como roaming nacional e internacional, além da possibilidade de acesso ao GPRS (transmissão de dados) em toda a base da empresa. A título de promoção, a empresa concederá até o final deste ano acesso gratuito ao GPRS, ligações gratuitas entre telefones TIM, descontos para pós-pagos e créditos adicionais para pré-pagos, em diferentes planos comerciais. Também oferecerá a cada mês, acesso a formas de cobranças adequadas ao seu consumo do período, sem que o cliente fique preso a planos específicos de pagamento.
Uma outra facilidade será a possibilidade de o cliente mudar de pós-pago para pré-pago e vice-versa, sem ter de trocar o número do telefone. A idéia da empresa, segundo declaram seus dirigentes, é valorizar o cliente pré-pago.
As novas operações GSM da TIM Brasil estão divididas entre a TIM Rio Norte (no Rio de Janeiro e Norte do País), TIM Centro-sul e TIM São Paulo, cobrindo um total de 94 localidades até o final do ano. O objetivo da empresa é ter até o final de 2002 de 200 mil a 300 mil clientes e no próximo ano atingir uma base de 1,5 milhão de usuários. Também para 2003, a empresa pretende instalar em sua rede TDMA, nas operações TIM Sul, TIM Nordeste e Maxitel (Minas Gerais), uma camada de GSM. Aos clientes que decidirem pela troca de tecnologia, a empresa vai garantir a manutenção de seu número. Ao todo, a base total em TDMA da empresa no País é de cerca de 5 milhões de clientes.
A TIM investiu até agora US$ 1 bilhão em suas operações de GSM. Foram instaladas 1952 ERBs (muitas compartilhadas com outras operadoras) e dois call centers específicos para o GSM com 470 atendentes no total. Para garantir a máxima cobertura em suas áreas de atuação, a empresa firmou contrato de compartilhamento de ERBs com a Oi, da Telemar, que também opera em GSM. Com o acordo, a empresa vai compartilhar não apenas a infra-estrutura como também a rede da concorrente, fazendo roaming em toda a área I (correspondente à Oi) em ligações locais em áreas onde ainda não tiver estações instaladas. O entendimento vale até que a cobertura da TIM esteja completa.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro de lideranças do mercado de telecomunicações

19 de setembro a 20 de setembro
Royal Tulip Brasilia Alvorada, DF, Brasil
Top