OUTROS DESTAQUES
Mobile World Congress
Samsung diz que nova plataforma Bada para handsets não cria fragmentação
quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010 , 15h02 | POR SAMUEL POSSEBON, DE BARCELONA

A chegada do sistema operacional Bada, da Samsung, voltou a acender as discussões no mercado de celular sobre o excesso de fragmentação de ambientes, o que dificulta o desenvolvimento de aplicativos e torna a vida das operadoras e consumidores mais complicada. Mas o vice-presidente do centro de soluções de mídia da Samsung, Ho Soo Lee, não vê dessa maneira. Para ele, quando um fornecedor com a escala da Samsung coloca no mercado milhões de handsets com o mesmo sistema operacional, não está criando fragmentação, mas sim um padrão. "Nós definitivamente não somos uma ilha", disse Soo Lee na sessão de abertura do terceiro dia do Mobile World Congress, que acontece esta semana em Barcelona.
Para Michael O'Hara, chief marketing officer da GSM Association, a iniciativa conjunta das operadoras de trabalhar no desenvolvimento de uma plataforma única para desenvolvedores ajuda a compensar um pouco a fragmentação. "Agora, os operadores poderão conversar com os fabricantes em outras condições, tendo um caminho a propor em termos de padronização".
Mas o chief technology officer da operadora australiana Telstra, Hugh Bradlow, disse que é impossível acabar com a fragmentação de ambientes nos sistemas operacionais dos handsets. "Não se pode pedir para a Apple, Google ou RIM para não fazerem o que eles fazem", disse. Para ele, o caminho é tentar unificar ao máximo as API (interfaces de programação) e garantir que a rede tenha capacidade para atender todos os serviços. Para ele, as lojas de aplicativos colocam muita pressão sobre as redes móveis pois estimulam o consumo de conteúdos e o uso dos telefones. "Mas nenhuma application store pode ser vista como concorrente do operador". Ele acredita que, no final, a Internet móvel acabará se tornando o ambiente final onde estarão todas as aplicações, "mas como na Internet móvel não há um ambiente único, certamente haverá lojas específicas para cada tipo de tecnologia."

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro de lideranças do mercado de telecomunicações

19 de setembro a 20 de setembro
Royal Tulip Brasilia Alvorada, DF, Brasil
Top