OUTROS DESTAQUES
Banda larga
WiMax é rentável apenas nas cidades médias, diz Frost & Sullivan
terça-feira, 18 de abril de 2006 , 18h58 | POR HELTON POSSETI

O mercado potencial para a banda larga através da tecnologia WiMax é de 2,8 milhões de usuários no Brasil. No entanto, a rentabilidade seria garantida considerando apenas 880 mil de pessoas cujo acesso poderia ser provido sem que o custo inviabilizasse o negócio. Esse é o resultado de um estudo promovido pela Frost & Sullivan e apresentado no evento ?O novo cenário do WiMAX no Brasil e no mundo?, promovido pela International Quality & Productivity Center (IQPC), nesta terça-feira, 18, em São Paulo.
Segundo o consultor Alex Zago, o estudo fez uma ?grande descoberta?: a rentabilidade da operação é muito maior em cidades médias. Sem dizer quanto maior, ele explica que as vantagens das cidades de médio porte são o baixo custo da instalação do backbone, a pouca competição e a migração dos usuários sub-atendidos. ?Nas cidades pequenas a rentabilidade seria comprometida pelo alto custo do backbone e nas grandes, o problema seria a baixa penetração, pois o WiMAX teria de roubar os usuários das tecnologias tradicionais?, explica.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top