OUTROS DESTAQUES
Intelig quer interrupção dos serviços da Emergia
quarta-feira, 18 de julho de 2001 , 22h25 | POR REDAÇÃO

A Intelig encaminhou denúncia à Anatel no final de junho pedindo a interrupção imediata dos serviços prestados pela Emergia, subsidiária da Telefônica que vende capacidade de transmissão em cabos submarinos. A Emergia não detém outorga da Anatel para prestar esse tipo de serviço e só pode obtê-la depois que a Telefônica antecipar suas metas de universalização. "O alerta partiu do nosso departamento de vendas, que notou o acirramento da competição com a entrada da Emergia no mercado e identificou a irregularidade", relata o diretor de assuntos regulatórios da Intelig, Alain Riviére. Na denúncia, a Intelig sugere que a Anatel faça vistorias nas centrais da Emergia para comprovar o delito.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top