OUTROS DESTAQUES
Resistência à antecipação de metas atrapalha avaliação da BrT
quarta-feira, 18 de julho de 2001 , 22h25 | POR REDAÇÃO

A decisão da direção da Brasil Telecom (BrT) de não antecipar as metas prejudicou a imagem da companhia no mercado. E, mais do que isso, fez com que os pesquisadores revissem para baixo as suas estimativas. Um bom exemplo desta tendência é o BES Securities, que acredita agora que o lucro da BrT em 2001 fique em R$ 356 milhões, contra R$ 587 milhões de suas projeções anteriores, ou uma redução de 39%. O EBITDA, em seu cálculo, crescerá 26%, e não mais 40%, chegando a R$ 2,8 bilhões. O BES ainda mantém a sua recomendação de compra, mas outras instituições, como a Fator, já rebaixaram sua avaliação de compra para atrativa.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top