OUTROS DESTAQUES
Serviços
UIT publica ranking de acesso digital; Brasil é 65º
quarta-feira, 19 de novembro de 2003 , 18h28 | POR REDAÇÃO

A União Internacional de Telecomunicações (UIT) divulgou nesta quarta, 19, seu primeiro ranking global de tecnologia de informação e comunicações. O estudo cobre 178 países, aos quais foi atribuído um índice denominado DAI (Digital Access Index), que leva em conta a penetração de serviços de comunicação e informação e também educação e poder aquisitivo.
O DAI mede a capacidade dos indivíduos de um país de acessar e usar as tecnologias de comunicação e informação. São computadas oito variáveis, como teledensidade fixa e móvel, preço de acesso à Internet, grau de escolaridade, banda internacional per capita (em bits) entre outras.
Os países foram classificados em quatro categorias, de acordo com o índice obtido: "high", "upper", "medium" e "low" (ou Topo, Alto, Médio e Baixo, em uma tradução livre). Os países na categoria Alto são principalmente nações da Europa central e oriental, Caribe, Golfo e América Latina.
Segundo a organização, causaram surpresas alguns resultados, como o empate entre França e Eslovênia ou a posição da Coréia, que conseguiu o quarto lugar. Com a exceção do Canadá, em décimo lugar, os dez primeiros colocados no ranking são países da Ásia e Europa Ocidental.

Brasil

O primeiro colocado no ranking é a Suécia, com DAI 0,85, seguida por Dinamarca (0,83), Islândia (0,82), Coréia (0,82), Noruega (0,79), Holanda (0,79), Hong Kong (0,79), Finlândia (0,79), Taiwan (0,79) e Canadá (0,78). Os EUA vêm em 11º, com DAI 0,78 e o Reino Unido em 12º com 0,77. Compõem ainda o grupo Topo a Suíça, Singapura, Japão, Luxemburgo, Áustria, Alemanha, Austrália, Bélgica, Nova Zelândia, Itália, França, Eslovênia e Israel.
O Brasil aparece na última posição do grupo Alto, com DAI 0,50, ocupando a 65ª posição no ranking global. Perde para países como Hungria, Polônia, Grécia, Chile , Barbados, Catar, Uruguai, Jamaica, Argentina e México. O país não consta sequer entre os dez maiores índices das Américas. Em compensação aparece melhor que países como Turquia, Venezuela, África do Sul, Arábia Saudita e Peru. O último colocado é a Nigéria, com DAI 0,04.
Mais detalhes e o ranking completo podem ser vistos no site www.itu.int/newsroom/press_releases/2003/30.html

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top