OUTROS DESTAQUES
Antecipação de metas está fora do orçamento da BrT para 2002
quarta-feira, 19 de dezembro de 2001 , 19h36 | POR REDAÇÃO

A proposta de orçamento da Brasil Telecom (BrT) para 2002, apresentada na reunião de sua controladora Solpart na última terça, 18, não contempla a antecipação de metas, revelou um conselheiro que estava presente no encontro. A proposta não foi votada porque o representante da Petros, Clóvis Carvalho, pediu mais tempo para estudá-la. Houve consenso em adiar a reunião para o próximo dia 24 de janeiro. De qualquer forma, a expectativa é de que seja aprovado um orçamento que não inclua a antecipação de metas, pois a Telecom Itália, que até então era a maior interessada, parece estar confiante de que a Anatel irá flexibilizar as regras e permitir a entrada em operação da TIM mesmo sem que a Brasil Telecom liquide ao longo de 2002 com as obrigações previstas para janeiro de 2003. De acordo com informações que circulam nos meios financeiros, os investimentos da BrT para o próximo ano deverão ficar em torno de R$ 2,5 bilhões, ou seja R$ 700 milhões a menos do que o montante orçado para 2001. A antecipação de metas implicaria investir este ano mais R$ 1,3 bilhão.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top