OUTROS DESTAQUES
Serviços de satélite
Airbus é escolhida para construir o SES-10 para América Latina
quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014 , 16h17 | POR REDAÇÃO

A operadora de satélites SES anunciou nesta quinta-feira, 20, que escolheu a Airbus Defence and Space (antiga Astrium) para construir o satélite SES-10. O artefato, que deverá ser lançado até o segundo semestre de 2016, foi encomendado pela subsidiária SES Satellite Leasing para expandir a capacidade da empresa na América Latina e Caribe com feixes de alta potência adaptados para prover serviços de conectividade de banda larga empresarial e de transmissão DTH.

A companhia afirma que a cobertura abrange a América do Sul, bem como o México e a América Central (incluindo o Caribe). A posição orbital do SES-10 será a 67°W, respeitando os termos do acordo entre a Comunidade Andina (Bolívia, Colômbia, Equador e Peru) e a SES, que dispõe sobre o uso de rede de satélites Simon Bolívar 2. Por conta da proximidade, o satélite irá cobrir parte do Brasil também, nas regiões de fronteira com a região andina.

De acordo com a empresa, o feixe projetado especificamente para esses países e o ângulo de elevação representa oportunidade para operadoras, empresas de radiodifusão e provedores de serviços.

O foguete que alçará o SES-10 à órbita deverá ser o SpaceX Falcon 9. O artefato terá 50 transponders de banda Ku de alta potência e substituirá os satélites AMC-3 e AMC-4, que estão na mesma posição orbital.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top