OUTROS DESTAQUES
Empresa aposta no crescimento de APS e wireless
segunda-feira, 20 de março de 2000 , 20h56 | POR REDAÇÃO

Para Gemignani, as divisões mais rentáveis deverão ser as de ASP e de wireless. O diretor da Promon diz que os negócios originados com base nessas tecnologias deverão gerar um volume da ordem de US$ 1 bilhão nos próximos quatro anos. A Promon IP, por sua vez, deverá atingir receita de R$ 150 milhões em 2000, podendo chegar ao dobro, ou seja, R$ 300 milhões em dois anos. Gemignani acredita que também o setor de financiamento de projetos (IPventures) deve apresentar grande expansão.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top