OUTROS DESTAQUES
Demissões na BrT mobilizam sindicato, parlamentares e governo do RS
terça-feira, 21 de agosto de 2001 , 21h24 | POR REDAÇÃO

O plano de demissões incentivadas da Brasil Telecom (BrT), que prevê o corte de quase um terço da folha de pagamento (cerca de mil funcionários) de sua operadora no Rio Grande do Sul (ex-CRT), provoca mobilização do Sindicato dos Trabalhadores, de parlamentares estaduais e representantes do governo do estado. O presidente em exercício do Sindicato dos Telefônicos (Sinttel), José Jurandir Teixeira Leite, informou ter obtido nesta terça, 21, a promessa do presidente da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, o deputado estadual Sérgio Zambizzi, da formação de uma comissão parlamentar que negocie o cancelamento das demissões com a operadora. Ele disse ainda que o sindicato e membros da Assembléia devem ir a Brasília ainda esta semana para reivindicar, em audiência no Congresso Nacional, a intervenção do governo e da Anatel para impedir que a BrT corte os investimentos para antecipação de metas de 2002, como decidiu recentemente.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top