OUTROS DESTAQUES
Telefonia móvel
Gradiente lança aparelhos GSM em parceria com a Sagem
terça-feira, 21 de outubro de 2003 , 14h45 | POR REDAÇÃO

A Gradiente retorna ao mercado de terminais de telefonia móvel com quatro novos modelos GSM, em parceria com o grupo francês Sagem, responsável pelo fornecimento da tecnologia utilizada nos produtos. O acordo entre as duas empresas, fechado em setembro, prevê a comercialização dos produtos exclusivamente sob a marca Gradiente no Brasil, e ainda a exportação, a partir do próximo ano para outros países latino-americanos, sob a marca Sagem.
Segundo o vice-presidente de incubadora de negócios da Gradiente, Dante Iacovone, a empresa ainda negocia com cinco fornecedores asiáticos para poder reingressar também no segmento de aparelhos CDMA. A idéia é fechar a parceria ainda no primeiro trimestre de 2004 para fornecer terminais nesta tecnologia no final do segundo semestre do mesmo ano. Está em estudo ainda a produção de aparelhos TDMA. Iacovone não revelou os investimentos na nova fábrica da Gradiente.
A empresa tem a expectativa de conquistar no próximo ano uma fatia de 10% do mercado de aparelhos celulares, que em 2003 deverá atingir a marca dos 10 milhões a 11 milhões de unidades vendidas. Se cumprida a meta, em 18 meses a divisão de telecomunicações da Gradiente voltará a ter peso relevante no faturamento total do grupo, elevando sua participação hoje abaixo dos 10% para 40%. A Gradiente faturou R$ 530 milhões em 2002.
Vale lembrar que em 2000, quando a Gradiente produzia aparelhos TDMA e CDMA em conjunto com a Nokia, sua marca chegou a estampar 25% dos celulares vendidos naquele ano, fazendo com que a divisão respondesse por 75% do faturamento da empresa brasileira. A Gradiente mantinha parceria com a empresa finlandesa na NG Industrial do Brasil até 2000, quando vendeu suas ações desta unidade produtiva a sua sócia. Pelo acordo, só pôde voltar ao mercado de celulares após três anos, em prazo vencido esta semana.
Além dos novos modelos GSM, a Gradiente prevê também o lançamento de PDAs com tecnologia CDMA no próximo ano. A empresa também realiza testes com hotspots de Wi-Fi nos aeroportos de Guarulhos (SP), Santos Dumont (RJ) e Brasília. Segundo Iacovone, ainda não está definida a estratégia da empresa para esta área.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top