OUTROS DESTAQUES
Operadora deixa de ser prioridade para sócios
quarta-feira, 21 de novembro de 2001 , 22h05 | POR REDAÇÃO

Se alguma empresa quiser comprar a Intelig por inteiro, os atuais sócios National Grid, Sprint e France Telecom não devem relutar. Segundo Marshall, a Intelig não está mais entre as prioridades das três empresas. "Estamos abertos a todas as propostas. Não descartamos a possibilidade de vender 100% da Intelig", explicou. Os sócios já investiram US$ 1,8 bilhão na operadora de longa distância e não estão dispostos a fazer novos aportes tão cedo. A idéia de vender uma participação na Intelig decorre da dificuldade que a empresa vem enfrentando para conseguir financiamento junto aos fornecedores.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top