OUTROS DESTAQUES
Política
Costa só sai do Minicom se Aécio desisitir da reeleição
quinta-feira, 23 de março de 2006 , 17h18 | POR REDAÇÃO

Segundo o ministro das Comunicações, Hélio Costa, a possibilidade de se candidatar ao governo de Minas Gerais está condicionada à decisão do atual governador mineiro Aécio Neves ser ou não candidato à reeleição. Na semana passada, Hélio Costa foi convidado por Aécio para uma conversa em Belo Horizonte, quando informou que sua decisão será anunciada na próxima segunda, 27. Se Aécio Neves, que no momento tem um altíssimo índice de aprovação de seu governo, decidir-se pela candidatura ao Senado, Hélio Costa será candidato a governador de Minas, provavelmente com o apoio, mesmo que velado, do atual governador. Com isso, deixaria o ministério. Se Aécio sair para a reeleição, Hélio Costa fica no ministério.

Rompimento

Aécio Neves sairia candidato ao senado, em vez de disputar uma reeleição quase certa? Nesse caso ficaria configurado um quase certo rompimento com o PSDB, uma vez que, para esta eleição, o partido ficaria sem um bom nome para a candidatura ao governo de Minas, minguando o palanque de Geraldo Alckmin no Estado. Recorde-se que o senador Eduardo Azeredo, o outro grande cacique do PSDB mineiro, apareceu como envolvido no esquema do empresário Marcos Valério. De acordo com alguns analistas, se considerado o estilo de se fazer política em Minas Gerais, a hipótese da desistência de Aécio à candidatura ao governo é quase uma impossibilidade, mas se ela se concretizar, significará o desmonte de um dos vértices do chamado ?triângulo das bermudas? da política nacional. De qualquer forma, Hélio Costa afirmou que na segunda, 27, ?nem que seja para dividir as manchetes dos jornais mineiros com o governador, eu também vou anunciar minha decisão?.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top