OUTROS DESTAQUES
Modelo prevê dois tipos de autorização, para 70 áreas
quinta-feira, 23 de agosto de 2001 , 20h30 | POR REDAÇÃO

A Anatel deverá conceder autorizações de dois tipos para 70 áreas, que se distinguem por sua abrangência. Serão três autorizações correspondentes às áreas do Plano Geral de Outorgas (PGO) e 67 autorizações correspondentes às áreas de numeração da telefonia fixa. As concessionárias (Telemar, Brasil Telecom, Telefônica e Embratel) somente poderão se candidatar a obter autorizações para uma ou mais áreas do PGO. Segundo Antônio Carlos Valente, conselheiro da Anatel, esta limitação se deve ao fato de as concessionárias conhecerem o mercado brasileiro e terem mais fôlego para cumprir metas de abrangência. As outras empresas, incluindo espelhos, espelhinhos e operadoras que ainda não estão no mercado de telefonia, poderão se candidatar a autorizações de qualquer tipo. As áreas de numeração correspondem aos códigos de DDD. Assim, a cidade de São Paulo e região metropolitana (código 11) é uma área, Distrito Federal (código 61) é outra, e assim por diante.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top