OUTROS DESTAQUES
Planos são de oferecer também roaming internacional
terça-feira, 23 de novembro de 1999 , 19h47 | POR REDAÇÃO

Na parceria, a DBA vai se responsabilizar pelo desenvolvimento de soluções e plataformas, enquanto o CPqD e a EDS vão operar o sistema. O CPqD deve tirar partido de seus conhecimentos do mercado nacional, desde seus tempos de participante do sistema Telebrás, enquanto a EDS vai aplicar know-how de uma das principais prestadoras de serviços de clearing e de roaming internacional em diferentes países. Os planos são de oferecer num primeiro momento apenas serviços de clearing, com pretensões de evoluir para atendimento mais complexo, como roaming internacional.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top