OUTROS DESTAQUES
SMP
Oi promete roaming para São Paulo em 30 dias
segunda-feira, 24 de junho de 2002 , 14h46 | POR REDAÇÃO

Enquanto a novela em que se tornou a entrada da TIM em operação não termina, a Oi está estudando todas as alternativas possíveis para oferecer dentro de 30 dias roaming em São Paulo a seus clientes. Entre as primeiras possíveis soluções consideradas pelo presidente da operadora, Luiz Eduardo Falco, e sua equipe estão:

a) Conseguir uma autorização da Anatel para usar em caráter secundário a rede que a TIM montou em São Paulo. De acordo com Falco, há brechas jurídicas que permitem isso, mas ainda é aguardada a aprovação da agência. A TIM já foi consultada sobre o assunto, mas ainda não respondeu. A tendência é de que a empresa resista em ceder sua rede, uma vez que, como futura concorrente, estaria favorecendo a conquista dos clientes entre os que mais lhe interessarão (corporativos e de classe média) quando iniciar operações de SMP na área de Telemar.

b) Uso da rede de fornecedores em São Paulo. Para esta saída, também é aguardada uma aprovação da Anatel. Mas uma desvantagem é o fato da cobertura não ser muito grande.

c) Importar aparelhos dual-mode GSM-TDMA.

Um esforço semelhante está sendo feito pela operadora para oferecer roaming também em Brasília. Segundo Falco, se nenhuma das alternativas citadas der certo, a empresa não decarta a possibilidade de comprar uma licença para operar em São Paulo.

Migração

De qualquer forma, o executivo prevê que, mais cedo ou mais tarde, as operadoras TDMA brasileiras irão todas migrar para o padrão GSM. ?Em seis meses, prevejo que pelo menos duas irão migrar?, afirmou. Ele acredita até na possibilidade da Telefônica, que hoje utiliza o padrão CDMA, vir a migrar.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top