OUTROS DESTAQUES
Reserva de mercado
segunda-feira, 24 de julho de 2000 , 20h31 | POR REDAÇÃO

O acordo entre a DT e a VoiceStream ainda precisa ser formalizado pelas agências regulatórias de ambos os países – Estados Unidos e Alemanha. Contudo, cerca de 30 senadores americanos contataram a FCC (Federal Communications Comission), agência reguladora dos Estados Unidos, por considerar que a compra de uma empresa americana por uma operadora estrangeira tem implicações na segurança nacional dos EUA. Por conta disso, já tramita um projeto no Senado americano que proíbe que uma companhia estrangeira adquira mais de 25% de uma operadora de telecomunicações americana. Por outro lado, a Comissão Européia está adaptando restrições à posse de companhias multinacionais. Com o acordo DT/VoiceStream, a participação do governo alemão na operadora fica reduzida de 58% para 45%.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top