OUTROS DESTAQUES
Fundos de pensão
Previ pode voltar ao ataque contra Opportunity
quarta-feira, 24 de julho de 2002 , 19h16 | POR FERNANDO PAIVA

Com o fim da intervenção nesta quarta, 25, o mais provável é que a Previ volte à tona na luta contra o Opportunity pelo controle das operadoras de telefonia nas quais são sócios: Telemig Celular, Amazônia Celular e Brasil Telecom. A expectativa é de uma fonte ligada aos fundos de pensão e se baseia na grande probabilidade de Luiz Tarquínio Sardinha Ferro voltar a ser o presidente da Previ. Foi durante a sua gestão que a entidade começou a rever os acordos de acionistas assinados com o Opportunity e a brigar com o banco na Justiça pela independência dos votos de seus conselheiros nas companhias. Espera-se também que Sérgio Rosa volte à diretoria, indicado pelos membros do conselho deliberativo que foram eleitos pelos participantes.
A intervenção na Previ foi iniciada no dia 3 junho e desde então, segundo a fonte, a briga na Justiça contra o Opportunity esfriou. Na manhã desta quinta-feira, dia 25, o conselho deliberativo da Previ se reunirá para escolher os seis novos diretores executivos do fundo de pensão. Metade deste conselho foi escolhida pelo Banco do Brasil e a outra metade foi eleita pelos participantes do fundo.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top