OUTROS DESTAQUES
Operação
Anatel concede licença de SCM à Tess
quinta-feira, 24 de outubro de 2002 , 19h48 | POR REDAÇÃO

O conselho diretor da Anatel concedeu na reunião desta quarta-feira, 23, autorização de Serviço de Comunicação Multimídia (SCM) para a Tess, operadora celular na banda B no interior e litoral do Estado de São Paulo. Recentemente o Conselho da Anatel concedeu uma autorização semelhante para a TCO, outra celular, com atuação na região Centro-Oeste.
Segundo o superintendente de serviços privados da Anatel, Jarbas Valente, as empresas do serviço móvel "descobriram" o SCM com um meio de melhorar o desempenho de suas redes. Como ele explica, atualmente as empresas de telefonia móvel tendem a optar por sistemas de rádio ponto-multiponto entre as centrais de comutação (CCCs) e as estações radiobase (ERBs), em vez de fibras ópticas, que além de serem mais caras demandam mais tempo de instalação.
Com o desenvolvimento e barateamento dos equipamentos para transmissão ponto-multiponto em 3,5 GHz e 10,5 GHz, as operadoras do serviço móvel tendem a utilizar cada vez mais estes equipamentos para fazer a interligação. E a necessidade de obter uma licença de SCM está relacionada com a designação pela Anatel destas faixas de frequência para o serviço, assim como para o STFC.
Além da vantagem de operar sistemas de menor custo, na opinião de Valente, "de quebra", estas empresas poderão oferecer o SCM para usuários com o sinal gerado a partir de suas CCCs e retransmitido pelas ERBs.
Na mesma reunião desta quarta-feira, o conselho diretor aprovou de forma definitiva os editais para licitação das faixas de 3,5 GHz e 10,5 GHz. O cronograma da licitação ainda não foi divulgado pela agência.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top