OUTROS DESTAQUES
Mercado projeta queda na receita de longa distância da Embratel em 2002
quarta-feira, 25 de julho de 2001 , 22h55 | POR REDAÇÃO

As chamadas de longa distância nacionais representaram cerca de 60% da receita líquida da Embratel no segundo trimestre: geraram R$ 1,1 bilhão, em um total de R$ 1,9 bilhão. O problema é que a receita proporcionada por essas chamadas está fadada a cair drasticamente ano que vem, com a abertura do mercado. "Hoje, a Embratel detém entre 80% e 90% das ligações inter-regionais. Em 2002, seu market share cairá para algo entre 40% e 50%", estima André Kern, analista da Máxima Asset Management.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top