OUTROS DESTAQUES
Outsourcing
Rede será parte do pagamento em licitação do BB
terça-feira, 25 de novembro de 2003 , 18h54 | POR REDAÇÃO

Parte da nova rede de transmissão de dados do Banco do Brasil será paga com ativos da rede antiga. A rede antiga foi avaliada em R$ 76 milhões até dezembro do ano que vem (já com a depreciação) e reverterá como parte do pagamento da nova rede IP que substitui toda a rede composta por frame relay e X.25 da instituição. Segundo o gerente executivo de telecomunicações do Banco do Brasil, Angelino Caputo e Oliveira, esse processo é denominado "trade in" dos ativos e equivale a dar de entrada um carro velho na compra de um novo. Caputo participou do IV Seminário Serviços Corporativos: A disputa pelas grandes contas, realizado nesta terça, dia 25, em São Paulo, pela Converge Eventos.
A cláusula de reversão dos ativos é a que causou maior polêmica entre as operadoras que participarão da licitação da rede da instituição. Mas, a despeito dos protestos, deverão brigar pela rede todas as teles locais e a Embratel, além de empresas como PrimeSys.

Rede atual

A rede atual do banco é dividida entre a Embratel e as teles locais Brasil Telecom, Telefônica, Telemar, CTBC e Sercomtel. No novo projeto, a rede também está dividida em dois lotes e a disputa deve acirrar a competição entre as operadoras por aquele que é um dos maiores contratos governamentais de rede de transmissão de dados. Uma das últimas licitações, a da rede do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu mais de 750 propostas até o final do leilão.
Angelino diz que não dá para precisar o tempo que levará o leilão da rede mas afirma que já reservou o auditório para o dia seguinte também, ou seja, a expectativa é que a licitação extrapole o leilão do TSE.
A licitação do BB ocorre a partir das 9 da manhã da próxima quinta-feira, 27. A licitação inclui mais de 12 mil pontos eletrônicos de presença (PEPs). O Banco do Brasil tem mais de 16 milhões de correntistas, movimenta 1,2 bilhão de transações online/mês, 84% das quais são feitas no auto-atendimento.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top