OUTROS DESTAQUES
Satélite
Venda da Embratel não afetará operação da Star One
terça-feira, 25 de novembro de 2003 , 14h07 | POR REDAÇÃO

O presidente da Star One, Edson Sofiatti, afirmou que a venda da Embratel não afeta as operações do braço satelital da carrier. ?Não acho que o operacional venha a ser afetado de qualquer maneira pela venda da Embratel?, disse Sofiatti. O executivo disse que não pode comentar o processo de venda da Embratel porque isso está ocorrendo no âmbito da controladora norte-americana MCI. De qualquer forma, Sofiatti dificilmente acredita que uma provável mudança de controle da Star One, quando da venda da controladora Embratel, mude o foco da empresa. O presidente da Star One participou do seminário "Serviços Corporativos – A disputa pelas Grandes Contas", realizado pela Converge Eventos nesta terça-feira, 25, em São Paulo.

Grandes clientes

A partir do mês de dezembro, segundo Sofiatti, a Star One passa a atuar com grandes clientes corporativos. Até então restrita ao mercado residencial e de pequenas e médias empresas, a Star One oferecerá conectividade para esse tipo de cliente para a formação de redes privativas virtuais (VPNs) e também para voz sobre IP (VoIP).
Sofiatti disse que tecnologias como Wireless Fidelity (Wi-Fi) também serão usadas para complementar a infra-estrutura satelital da Star One, com altíssimas velocidades.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top