OUTROS DESTAQUES
Pimenta e oposição não entram em acordo sobre o Fust
terça-feira, 26 de fevereiro de 2002 , 20h21 | POR REDAÇÃO

Pimenta disse que em suas últimas semanas no governo dará prioridade absoluta à resolução das questões relativas ao Fust. No entanto, as negociações com os deputados da oposição não avançaram. Nesta terça, dia 26, o ministro se encontrou com os deputados Virgílio Guimarães (PT/MG), Sérgio Bittar (PT/RJ) e Sérgio Miranda (PCdoB/MG) para dar seu parecer à proposta apresentada por este último parlamentar na semana passada. O ponto considerado crítico pelo deputado Miranda, que seria a divisão da licitação em serviços, não foi aceito pelo ministro. Durante a reunião, foi apresentada uma contraproposta, que seria a participação de consórcios entre empresas de telecomunicações, provedores de acesso e fabricantes de equipamentos na licitação. O ministro ficou de avaliar esta solução. Outro ponto recusado por Pimenta é passar a coordenação da licitação do Fust para o Minicom. Mas o próprio deputado Sérgio Miranda disse que abriria mão desta proposta. Os pontos de concordância foram: abrir a licitação para as demais empresas de telecomunicações; revisar a divisão por áreas do PGO (não por Estados, como propôs Miranda) e usar os dois sistemas operacionais (Windows e Linux).

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro de lideranças do mercado de telecomunicações

19 de setembro a 20 de setembro
Royal Tulip Brasilia Alvorada, DF, Brasil
Top