OUTROS DESTAQUES
Serviços móveis
Recargas a partir de R$ 1 já representam 15% do total na Sercomtel
quarta-feira, 26 de abril de 2006 , 17h20 | POR FERNANDO PAIVA

Lançado há pouco mais que dois meses, o sistema de microrrecarga para celulares pré-pagos da Sercomtel já representa 15,2% do total de créditos comprados por usuários da operadora. Esse percentual foi registrado durante o mês de março e superou a recarga em lotéricas, que responderam por 11,5% do total no mesmo período. A recarga tradicional, feita com a compra de cartões, representou 73,3%.
A microrrecarga da Sercomtel está funcionando em caráter de teste. Ela é oferecida nas 20 lojas próprias da operadora. O principal diferencial do sistema é justamente a recarga de créditos com valores muito baixos, a partir de R$ 1. Os vendedores fazem uma transferência de crédito através de celulares que contêm em seu SIMcard um aplicativo para esse fim. O usuário pode comprar créditos a partir de R$ 2, com intervalos de R$ 1. O prazo para utilização desse crédito é menor do que o habitual: 7 dias em caso de créditos entre R$ 2 e R$ 9; e 30 dias para créditos de R$ 10 a R$ 19. A Sercomtel Celular foi a primeira a instalar um sistema de microrrecarga no Brasil. A solução foi desenvolvida pelos próprios engenheiros da companhia.

Regulamentação

O diretor de engenharia e operações da Sercomtel Celular, Wanderley Rezende, está preocupado com algumas possíveis mudanças regulatórias que atrapalhariam o projeto de microrrecarga. Ele se refere à proposta da Anatel de estabelecer o prazo de 180 dias para a validade dos créditos comprados por clientes pré-pagos. O executivo também reclama da possibilidade de ser obrigado a reembolsar imediatamente o valor dos créditos não utilizados em caso de rescisão do contrato. Tudo isso está sob consulta pública no momento.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top