OUTROS DESTAQUES
Serviços móveis
Vivo segmenta serviços de LBS e estuda modelo por assinatura
terça-feira, 27 de fevereiro de 2007 , 19h36 | POR ANA LUIZA MAHLMEISTER

A Vivo ampliou os serviços de localização (ou LBS, Location Based Services) para ganhar mercado e estuda a cobrança apenas da assinatura, isentando o usuário de pagar pelo tráfego. A empresa segmentou os serviços em Vivo Localiza Família, Vivo Localiza Amigos e Vivo Co-piloto que terão neste ano campanhas mais intensas de divulgação. O Vivo Família, por exemplo, que permite a localização dos filhos pelos pais, uma espécie de ?cerca eletrônica?, ganhará uma campanha especial no Dia das Mães.
?Os serviços ainda são pouco representativos no faturamento da Vivo, por isso a estratégia é oferecer taxas mensais atraentes, sofisticar as aplicações e opções de aparelhos celulares para ganhar mercado a partir deste ano?, diz Cristiano Zaroni, gerente de oferta profissional da Vivo. A taxa mensal do Vivo Família é de R$ 20, para a localização de até cinco filhos e funciona em 500 cidades; o Vivo Co-piloto, um sistema navegador que aponta rotas de 25 cidades, tem mensalidade de R$ 10. O último serviço é o Vivo Localiza Amigos, que permite que clientes Vivo sejam localizados por outros usuários em um mapa da região na tela do celular. A localização só é realizada por usuários cadastrados no sistema com autorização prévia e é voltado para comunidades.
O aplicativos de localização foram desenvolvidos em Brew pela empresa norte-americana WaveMarket para a rede CDMA mas a Vivo estuda sua oferta também para GSM. Funciona por meio da triangulação das estações radiobase que se comunicam com celulares de média gama com GPS-1 garantindo uma precisão entre 10 a 30 metros em lugares abertos e de 50 a 300 metros nos fechados. Para crescer em 2007 a meta da Vivo é popularizar o Localiza Amigos em comunidades, ampliar as funcionalidades do Vivo Co-piloto para mais cidades e terminais, e desenvolver serviços customizados do Vivo Localiza Família.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top