OUTROS DESTAQUES
Reestruturação da Anatel
Elifas pautou reestruturação no caso de "ministro mudar de idéia"
quinta-feira, 27 de outubro de 2005 , 17h38 | POR CARLOS EDUARDO ZANATTA

O presidente da Anatel Elifas Gurgel do Amaral afirmou aos após a audiência pública na Câmara dos Deputados, que ao pautar para a reunião da próxima segunda-feira, 31, os assuntos relativas à reestruturação da agência (que vem sendo considerada ilegal e inconstitucional pela consultoria jurídica do Ministério das Comunicações), não teve a intenção de enfrentar o ministro Hélio Costa. ?O parecer da consultoria do ministro ainda está em análise na Anatel, e eu ainda pretendo conversar com ele antes de segunda-feira", disse Amaral. O assunto foi colocado em pauta para evitar que, se até lá houvesse uma mudança de posição do ministério, não houvesse mais tempo necessário para colocar o assunto em pauta.

Sério precedente

Uma vez que a consultoria do ministério das Comunicações considerou ilegal e inconstitucional a criação de novas superintendências pela Anatel sem que isso seja diretamente autorizado pelo presidente da República através de um decreto, há quem esteja questionando atualmente não apenas a criação da superintendência de universalização, que também seria ilegal e inconstitucional, mas também a totalidade dos atos praticados por aquela superintendência, especialmente a certificação de metas de universalização da telefonia fixa. O imbróglio está criado.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top