OUTROS DESTAQUES
Qualcomm aposta em "efeito dominó" na migração para 2,5G
quinta-feira, 28 de fevereiro de 2002 , 20h55 | POR REDAÇÃO

A Qualcomm aposta que se a primeira operadora de TDMA brasileira que tomar a decisão de migrar para 2,5G optar pelo 1xRTT (solução evolutiva do CDMA), todas as demais seguirão o mesmo caminho, para preservarem a possibilidade do roaming nacional. A expectativa foi transmitida pelo gerente sênior de desenvolvimento de negócios da Qualcomm, Severino Camilo, durante o Fórum 2,5G, da IIR, realizado nesta quinta, 28, no Rio de Janeiro. O executivo se baseia nos seguintes argumentos para convencer as operadoras de TDMA a migrar para 1xRTT: melhor eficiência espectral, maior velocidade de transmissão de dados e ausência de necessidade de migração para o SMP. Camilo estima que as operadoras de TDMA tomem uma decisão quanto à evolução de suas redes até o final deste ano.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top