OUTROS DESTAQUES
Marketing
Grupo Telemar adota Oi como marca única
quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007 , 17h07 | POR FERNANDO PAIVA

A Oi passará a ser a marca única dos serviços de telefonia fixa, móvel, internet e entretenimento do grupo Telemar. A mudança, que já era comentada no mercado desde que a concessionária iniciou a substituição das marcas em seus orelhões no Rio de Janeiro, foi anunciada oficialmente pela diretoria nesta quarta-feira, 28. Desde o fim de 2005, o grupo vinha estudando a possibilidade de unificação das marcas, para se adequar ao novo perfil da empresa, de convergência de serviços. ?Convivíamos com muitas marcas e isso confundia o consumidor?, explica o diretor de comunicação corporativa da Oi, George Moraes.
Durante cinco meses, a consultoria americana Interbrand analisou qual seria a melhor dentre as seguintes alternativas: manter o nome Telemar, adotar a Oi como marca única ou criar uma nova marca. Como as pesquisas indicaram que a marca Oi era a que melhor traduzia para o consumidor a idéia de convergência, ela foi a escolhida. Então, a empresa contratou a consultoria inglesa Wolff Olins ? a mesma que criara a marca Oi ? para cuidar desse projeto.
A partir de 1º de março, entrará no ar uma campanha de TV para divulgar a unificação das marcas. Mas a transição será gradual. No próximo mês, as faturas de telefonia fixa da companhia ainda virão com o logotipo da Telemar, mas terão sua cor alterada, para se aproximar àquela da Oi. A troca do logotipo nas faturas acontecerá somente em agosto.
O telefone Telemar passará a se chamar ?Oi Fixo?. O Velox, serviço de banda larga em ADSL, será ?Oi Velox?. Foi criado um guarda-chuva para serviços convergentes chamado ?Oi Mix?, debaixo do qual estão o ?Oi Conta Total? e o ?Oi Cartão Total?. Apenas a marca 31, de seu código de longa distância, não mudará de nome, mas teve seu logotipo alterado. A partir de 1º de março a companhia já terá um site único com todos esses serviços no endereço www.oi.com.br.
O presidente do grupo, Luiz Eduardo Falco, acredita que a unificação de marcas será uma tendência seguida pelos concorrentes. ?Quem não adotar um posicionamento único e convergente terá dificuldade?, prevê o executivo. A empresa não revelou quanto está sendo investido no projeto de unificação de marcas.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top