OUTROS DESTAQUES
PCS é condição para novo sócio na operadora
terça-feira, 28 de março de 2000 , 21h23 | POR REDAÇÃO

O novo sócio da Intelig, que substituirá a Sprint, terá de, entre outras condições básicas, estar apto a não criar embaraços para a entrada da empresa na concorrência pelo PCS, diz Terni. Composto ainda pela National Grid e France Telecom, o consórcio que forma a espelho de longa distância deve iniciar em abril um processo de due dilligence entre candidatos à vaga da Sprint.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top