OUTROS DESTAQUES
Evento
Custo ainda pesa na escolha de cobertura por satélite
quinta-feira, 29 de agosto de 2002 , 14h27 | POR REDAÇÃO

O custo das tecnologias, da infra-estrutura para instalação dos sistemas e da manutenção ainda pesam na escolha do usuário ao optar por um sistema de comunicação via satélite. Ao satélite está associado ainda o delay no sinal. Essas são as desvantagens para que os satélites possam ser usados em serviços universais, afirma o diretor regional da Intelsat Brasil, Manoel C. P. de Almeida. Mas, diz Almeida, o problema do delay pode ser minimizado com o uso de protocolos, diminuindo seus efeitos. As vantagens do satélite, segundo o diretor da Intelsat, são a ampla cobertura, a disponibilidade e a difusão. Almeida acredita que os serviços universais, antes de difundirem o acesso à Internet, telefonia e TV, devem universalizar o uso da tecnologia. A Intelsat tem 22 satélites geoestacionários em operação, sendo dez em órbita brasileira.
Manoel Almeida participou nesta quinta, 29, do evento "As opções de negócios em satélites", organizado pela Converge Eventos e apoiado pelas revistas Teletime, PAY-TV e Tela Viva. O encontro foi realizado em São Paulo.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top