OUTROS DESTAQUES
Balanço
Vivo já representa 25% das receitas da PT
quinta-feira, 30 de outubro de 2003 , 15h59 | POR REDAÇÃO

A Vivo foi responsável por U$ 438 milhões do total de US$ 1,7 bilhão das receitas consolidadas do grupo Portugal Telecom (PT), o equivalente a 24,8%, segundo os dados do balanço do terceiro trimestre da PT, divulgados nesta quinta-feira, 30. No mesmo período do ano passado, a equivalência era de 18,8% da receita total. A Vivo gerou US$ 299 milhões das receitas consolidadas totais de US$ 1,5 bilhão da PT.
A PT, que opera também linhas fixas, cabo e banda larga, finalizou o terceiro trimestre com 30,7 milhões de assinantes (27 milhões no mesmo período de 2002). Os assinantes banda larga saltaram de 128 mil o ano passado para 321 mil neste ano. A rede móvel (Vivo e TMN) teve uma expansão de 15,6% de um ano para outro e chegou a 23,5 milhões de assinantes (dos quais 18,5 milhões são da Vivo). Os usuários de telefonia fixa tiveram um ligeiro crescimento, atingindo os 5,6 milhões.

Resultado líquido

O resultado líquido do terceiro trimestre da PT foi de US$ 158 milhões (US$ 139 milhões no mesmo período do ano passado). O EBITDA aumentou 14,2%, passando de US$ 668 milhões no terceiro trimestre do ano passado para US$ 725 milhões neste ano. A margem EBITDA, ao contrário, caiu 0,8 pontos percentuais, de 42% em 2002 para 41,2% este ano.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro de lideranças do mercado de telecomunicações

19 de setembro a 20 de setembro
Royal Tulip Brasilia Alvorada, DF, Brasil
Top